José para uns, Saramago para outros

A notícia já é sabida. Aos ventos, repetida. José Saramago morreu aos 87 anos neste 2010. Quando imaginei que havia lido muitas obras dele, seis no total, descobri que nem cheguei perto da metade do que ele publicou. Nem um quarto. Evitei fazer contas de qual fração eu li do que ele sequer publicou, mas … Continuar lendo José para uns, Saramago para outros

Anúncios

Vanity cards, do Chuck Lorre

Chuck Lorre é o criador e produtor de duas recentes séries de televisão que passam nos canais fechados. O Two and a half men e o The Big Band theory (traduzidos livremente por Dois homens e meio e A teoria do Big Bang). O humor ácido e direto de Lorre tem feito sucesso no Brasil. … Continuar lendo Vanity cards, do Chuck Lorre

Autocontrole

Notas do escritor: Texto proibido para menores. Não sou adepto ao suicídio. Não sou adepto às críticas aos homossexuais. Não sou adepto às políticas do medo. Use o texto com responsabilidade literária. Não me responsabilizo pelos seus atos! Não diga, frente aos juízes, que matou John Lennon por conta do meu texto ("O apanhador no campo … Continuar lendo Autocontrole

Sofia

Durante muito tempo, Hilde tentara fazer a mesma coisa. Mas piscar os dois olhos ao mesmo tempo para sua própria imagem refletida era tão difícil quanto querer correr da própria sombra. Por fim acabou ganhando de presente o espelho, herança da bisavó. Durante toda a sua infância ela tentou várias vezes realizar este feito impossível. … Continuar lendo Sofia

Quem é você?

Se ela soubesse! É claro que ela era Sofia Amundsen, mas quem era esta pessoa? Isto ela ainda não tinha descoberto direito. E se tivesse outro nome? Anne Knutsen, por exemplo. Será que só por isso seria também outra pessoa? (...) - Sou Sofia Amundsen - disse.   Jostein Gaarder, O mundo de Sofia.   … Continuar lendo Quem é você?